segunda-feira, 25 de outubro de 2010

A solidão tem cheiro de chuva

A solidão tem cheiro de chuva
E muitas vezes escorre pelos nossos sonhos
Como se fosse feita de nada

A solidão é isso mesmo: uma falta de tudo
Uma paz profunda

Alexandre Alves.

Um comentário:

MARCO PARDINI disse...

Que bela forma de expor a solidão meu grande amigo!
Parabéns por estar preparado para receber algo tão profundo!